Terroristas da Palavra: A campanha contra Dilma nas igrejas

Terroristas da palavra espalham pânico nas igrejas: prepara-se o terreno para mais ataques

Publico o ótimo levantamento feito pelo internauta Adriano Schoer. Ele – como esse humilde blogueiro – acha que a eleição não está decidida. Existe uma campanha surda, sem visibilidade, feita na base do terrorismo.
Não é a campanha midiática – essa ficou muito manjada. É a campanha nas igrejas, pelo Brasil afora. Prepara-se o terreno para o último ataque de Serra (com ajuda do PIG). Ninguém hoje tem muitas dúvidas de que esse último ataque – ao longo das próximas duas semanas – terá como objetivo espalhar o pânico, e a dúvida sobre Dilma. Devem ser utilizados episódios da época da ditadura: o bombardeio virá pela internet, por mensagens de SMS, com apoio da velha mídia e da campanha oficial de TV.
A operação começou lá atrás com a ficha falsa na primeira página. Depois, veio a “reportagem” de “Época”, acompanhadas sempre pelas correntes de emails a espalhar pela internet a idéia da Dilma “terrorista”, “comunista”, violenta”.
Enquanto o ataque final não vem, pastores e padres (são minoria, felizmente) fazem o serviço de preparação, como mostra o Adriano…
ACHO QUE A BALA DE PRATA VIRÁ DISSO AQUI

por Adriano Schoer

Pastores e Padres estão fazendo discurso amplamente golpista em suas igrejas, sobre questões que estão no PNDH-3: aborto, união cívil homeosexual, regularização da atividade de profissional do sexo, etc. Alguns como o Pastor Paschoal Piragine pedem abertamente para que não se voto no PT.
Os vídeos estão circulando amplamente na internet, nas listas de emails das igrejas. Tá na hora de começar com as vacinas para isso. Alguns discursos são amplamente golpistas e raivosos e misturam revolução, ateísmo, nazismo e ditadura.

Descobri isso em conversas dentro de casa (minha mãe) e cheguei a estes vídeos. A PIB (Primeira Igreja Batista – do Pastor Paschoal Piragine Jr.) é a que mais está trabalhando isso e da forma mais eficiente, pois não descamba a agressão como o caso do Padre Paulo Ricardo. O que escancara é que começam com um discurso anti aborto e homofóbico e logo descambam para o conservadorismo de direita. Chile, 1973. Lí todo o PNDH-3 este final de semana e estou buscando informações sobre os dois deputados que eles dizem terem sido expulsos do PT. Loucura essa parada.

Pr. Paschoal Piragine Jr – Presidente da 1ª Igreja Batista de Curituba
http://www.youtube.com/watch?v=ILwU5GhY9MI&feature=youtu.be


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: