Comunidade escolar protesta contra junção de turmas determinada pelo gov. Beto Richa

O colégio estadual Cecília Meireles vem a público denunciar com veemência contra a atitude do senhor Governador do Estado do Paraná, Beto Richa, no que concerne à junção de turmas dos estudantes, em vigor desde 1º de setembro do corrente ano.

A SEED, Secreatia de Educação Pública deste Estado, na pessoa do Sr. Flávio Arns, usando seus chefes de Núcleos Regionais de Educação e respectivas Documentadoras dos Setores, sem ouvir a comunidade escolar tem tomado tal atitude, demonstrando uma postura arbitrária na condução da Educação Pública do Estado do Paraná.

Desrespeitando os direitos humanos e as decisões pedagógicas orientadas pela própria SEED para com as criancinhas em seus uso-frutos da respectiva aprendizagem, toda a comunidade escolar foi surpreendida por tal decisão justamente quando se encaminha para os últimos meses do Ano Letivo, o que interfere consequentemente nos resultados a serem alcansados ao final de 2011.

A SEED, além disto, desconsiderou as deliberações da Conferência Estadual de Educação em 2010 quando trazia ao debate social a situação do Porte de Escolas, o que define o Governo deste Estado como processo educacional à base de uma simples equação entre quantidade de alunos e alunas por espaço quadrado, esquecendo-se o mesmo que aluno(a) não é mercadoria; mas, deve ser tratado como pessoa que é, em processo de formação no pleno exercício da cidadania.

A atitude do Governo do Estado do Paraná frente à Educação Pública requer de todos os pais e mães e/ ou responsáveis por pupilos e pupilas matriculados em escolas públicas uma posição do Ministério Púiblico pela postura de descumprimento ao Calendário Escolar definido no início do Ano Letivo pela SEED (que deveria cumprir e fazer cumprir a organização das turmas aprovadas pela própria SEED), o que nos faz perceber um descompromisso com a Escola Pública de qualidade (assumida pelo Sr Governador ao assinar sua respectiva posse de Governo).

Na prática, isto desestabiliza ao que está pedagogicamente organizado e encaminhado pelas escolas e SEED… o que é ruim para os estudantes que perdem muito com que fora estabelecido no seu processo dew Ensino-aprendizagem. Aguardamos, outrossim, a manifestação da APP-Sindicato porque queremos sua posição pública e notória.

Curitiba-Pr, 14 de setembro de 2011.

Assinam Corpo Docente, Grêmio Estudantil e Associação de Pais/Mães – APMF

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: