Posts tagged ‘Lula’

28/05/2012

Nota do Instituto Lula à imprensa!

NOTA À IMPRENSA
São Paulo, 28 de maio de 2012

Sobre a reportagem da revista Veja publicada nesse final de semana, que apresenta uma versão atribuída ao ministro do STF, Gilmar Mendes, sobre um encontro com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no dia 26 de abril, no escritório e na presença do ex-ministro Nelson Jobim, informamos o seguinte:

1. No dia 26 de abril, o ex-presidente Lula visitou o ex-ministro Nelson Jobim em seu escritório, onde também se encontrava o ministro Gilmar Mendes. A reunião existiu, mas a versão da Veja sobre o teor da conversa é inverídica. “Meu sentimento é de indignação”, disse o ex-presidente, sobre a reportagem.

2. Luiz Inácio Lula da Silva jamais interferiu ou tentou interferir nas decisões do Supremo ou da Procuradoria Geral da República em relação a ação penal do chamado Mensalão, ou a qualquer outro assunto da alçada do Judiciário ou do Ministério Público, nos oito anos em que foi presidente da República.

3. “O procurador Antonio Fernando de Souza apresentou a denúncia do chamado Mensalão ao STF e depois disso foi reconduzido ao cargo. Eu indiquei oito ministros do Supremo e nenhum deles pode registrar qualquer pressão ou injunção minha em favor de quem quer que seja”, afirmou Lula.

4. A autonomia e independência do Judiciário e do Ministério Público sempre foram rigorosamente respeitadas nos seus dois mandatos. O comportamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é o mesmo, agora que não ocupa nenhum cargo público.

Assessoria de Imprensa do Instituto Lula

Fonte: Lula

28/03/2012

Lula vence o câncer e agradece ao Brasil

20/01/2012

Lançamento de “A Privataria Tucana” em Curitiba repercute nos blogs e redes sociais

O lançamento do livro “A Privataria Tucana”  que ocorreu ontem em Curitiba, contando com a presença de mais de 300 pessoas, também mostrou a força das redes sociais e blogs. Assim como o livro, o evento foi divulgado somente na Internet, rompendo mais uma vez a blindagem que a velha mídia faz ao assunto.

Vários Tuiteiros acompanharam o debate que foi transmitido ao vivo. Foram várias interações de internautas de todo o Brasil, comentando e sugerindo perguntas ao jornalista Amaury Ribeiro Jr.:

read more »

20/01/2012

Direção de TV estatal paranaense demite funcionários

A direção da TV Educativa do Paraná, que hoje praticamente só retransmite a programação da TV Cultura de São Paulo, mas insiste em chamá-la de É Paraná, está fazendo uma limpa nos quadros funcionais.

Sob a desculpa de se livrar dos incômodos gerados pelo caso Derosso, a ex-TV do povo paranaense, demitiu também outros 30 profissionais.

Da CBN-Curitiba:

Emissora de TV do governo, É Paraná, demite a jornalista Cláudia Queiroz

Filipi Oliveira

A TV do governo, É Paraná, a antiga TV Educativa, vai demitir a jornalista Cláudia Queiroz Guedes, mulher do presidente licenciado da Câmara Municipal de Curitiba, João Cláudio Derosso (PSDB). Além dela, pelo menos outras 30 pessoas também foram mandadas embora no corte feito pela emissora.

Clique aqui para ouvir o áudo desta reportagem

20/01/2012

Amaury Ribeiro Jr. desmente Álvaro Dias em entrevista à CBN-Curitiba

da CBN:

Autor de “A Privataria Tucana” diz que Banestado era o maior esquema de lavagem de dinheiro

Leonardo Bessa
O autor do livro “A Privataria Tucana”, que denuncia fraudes nas privatizações do governo Fernando Henrique Cardoso, do PSDB, afirma que nunca se desviou tanto dinheiro quanto na época do extinto Banco do Estado do Paraná, o Banestado.

Clique aqui para ouvir a íntegra da entrevista concedida por Amaury Ribeiro Jr à rádio CBN-Curitiba

20/01/2012

Novidades de Amaury: CD, cartilha em quadrinhos e “Privataria II”

“O pessoal do MST me pediu licença para editar uma versão do livro para as crianças e adolescentes, em forma de história em quadrinhos. É claro que eu dei a licença. E tem mais novidade. Vai sair o CD do Privataria com músicas que fiz a alguns anos e que precisam de uns ajustes”, revelou Amaury durante o debate realizado na noite de 19/01 em Curitiba.

Alguém lembrou que a privataria tucana não acabou mas continua avançando no Paraná e em outros estados através da “terceirização” da saúde e da cultura, decidida com apoio de deputados aliados do governador Beto Richa sem ouvir em nenhum momento a população. Propõe-se entregar um relatório completo do processo dessa votação, acompanhado dos nomes dos deputados e das empresas que apoiaram suas campanhas eleitorais (obtidas no TRE),  para o Amaury incluí-lo no “Privataria II”, em elaboração.

Amaury afirmou que só escreve com fatos e documentos que provem as denúncias, cabendo às entidades fazer os documentos chegarem até ele.

Os presentes quiseram saber se Amaury acha que a CPI da Privataria sai ou não sai.

“Depende da pressão popular. O livro sozinho já tem dados e informações documentais mais que suficientes”, responde Amaury que, humoradamente, completa: “Meu filho é ‘filho’ do Banestado. Foi feito em Nova Iorque por causa do Banestado. É a minha CPI e vou voltar a ela no Privataria II”.

Ao final do debate  formou-se uma fila para os autógrafos, incrivelmente organizada.

“Êita povo prá gostar de fila, sô”, brincou Amaury, pegando a caneta para autografar dezenas de exemplares.

Vendendo dez exemplares de uma vez para um dirigente da associação dos ex-funcionários do privatizado Banestado, William diz que “Curitiba lançou a ideia e o bloqueio da mídia e das redes de livrarias está sendo vencido pelos convites para as dezenas de atos iguais a este que acabamos de assistir.”

20/01/2012

Lançamento de “A Privataria Tucana” em Curitiba reúne mais de 300 pessoas

O lançamento do livro “Privataria Tucana”, com a presença do autor, jornalista Amaury Ribeiro Jr. foi um sucesso: reuniu mais de 300 pessoas na noite de 19/01/2012 no auditório do SISMUC – Sindicato dos Trabalhadores nos Serviços Municipais de Curitiba.

O evento foi organizado por ParanáBlogs, Sismuc, Geração Editorial, Sindicato dos Bancários, SENGE-PR, SindiSaúde, CUT-PR e TIE-Brasil.

Já no inicio da “noite de autógrafos”, William Novais, da Geração Editorial, comemorava a venda de mais de 120 exemplares até aquele momento. “Em São Paulo foram 200, mas no final. Curitiba é bem menor e está dando show, já de saída” – afirmou William.

Muita gente já trazia o livro de casa, comprado nas livrarias que deixaram a solidariedade tucana para lá e lucram com o novo “best seller”.

No salão do evento os presentes se revezavam e se espremiam para ouvir as respostas bem humoradas de Amaury às perguntas feitas. Uma delas partiu de um médico brasileiro residente em Houston, Texas, que pode participar graças a transmissão ao vivo pela Internet.

O paranaense Amaury surpreendeu os participantes com o tom informal e até irreverente com que se dirigiu à atenta platéia.

20/01/2012

Fotos do Lançamento do Livro “A privataria tucana” em Curitiba

O lançamento do livro “A privataria tucana” reuniu mais de 300 pessoas no auditório e dependências do Sismuc na noite de quinta, 19/01. Com o auditório lotado, muitas pessoas acompanharam a apresentação do livro seguida de debate nos computadores do Sismuc espalhados pelas diversas salas da entidade.

Antes do lançamento, porém, Amaury Ribeiro Jr participou de uma entrevista coletiva com a presença de vários meios de comunicação, tanto das velhas como das novíssimas mídias.

Veja as fotos do evento:

Participantes formam filas para chegar ao local do evento:

Antes das 19:00h o salão do Sismuc já estava lotado:

Amaury Ribeiro Jr. concede entrevista coletiva aos meios de comunicação do Paraná:

Após o debate participantes formaram filas para ter seu livros autagrafados por Amaury Ribeiro Jr.

05/01/2012

Mas quem é Lukashenko? Onde fica a Belarus?

Por Sérgio Bertoni, TIE-Brasil

A Belarus ou Rússia Branca é um estado europeu localizado a oeste da Rússia e a leste da Polônia, tendo fronteira setentrional com a Lituânia e Letônia e meridional com a Ucrânia. Se considerarmos a Rússia como parte da Europa, então a Belarus é uma estado cravado bem no centro da Europa.

É chamada de Rússia Branca, pois teria sido a única parte do Império Russo não ocupada pelos tártaro-mongóis que dominaram a Rússia por mais de 4 séculos.

Aleksander Lukashenko, o “presidente” da Belarus, é um ditador desvariado apoiado por Moscou. A Belarus é usada como campo de provas onde são testadas as medidas autoritárias soviético-capitalistas do czar Putin e sua camarilha. Muitos esquerdistas ocidentais se deixam levar pelo discurso pseudo-socialista e pseudo anti-norteamericano de Lukashenko. Não passa de retórica barata para iludir o incautos e as viúvas de Stálin que adoram levar porrada do regime e da polícia secreta que, na Belarus, ainda se chama KGB. Na prática Lukashenko está mais para um Hitler sem exército que para Stálin. Seu discurso é nacional-socialista. Lembremos que o partido de Hitler era Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães, ou Nationalsozialistische Deutsche ArbeiterparteiNSDAP, em alemão, cuja redução fonética gera o termo Nazi ou Nazista. Hilter se dizia contrário ao capitalismo e ao socialismo…

Em 1995, este humilde blogueiro e ex-metalúrgico teve a honra de ser citado por Lukashenko em cadeia Nacional de rádio e  TV, durante a transmissão ao vivo de uma assembleia com mais de 3000 pessoas, convocada especialmente para denunciar o Brasil e a Suécia de conspirarem contra a “soberania” da Belarus.

A coisa foi hilária, própria do surrealismo soviético. No dia anterior à referida assembleia, havia eu participado da reunião plenária da direção da Federação dos Sindicatos da Belarus (FPB em russo). Um agente da KGB estava presente na reunião. E aí começa a diversão.

read more »

02/01/2012

Salário mínimo ainda é muito mínimo, mas evoluiu muito nos últimos anos

%d blogueiros gostam disto: